Amando os não amáveis

Você ama alguém? Você tem amigos? Você gosta tanto de alguém que tem prazer em ajudar essa pessoa? Mas e quanto a decepção, você já se decepcionou com alguém? Alguém já te deixou com raiva? Você já teve algum tipo de problema de relacionamento com alguém?

Pois é, nossa vida é composta por pessoas! É feita de relacionamentos e esse é justamente um dos maiores desafios dos últimos tempos: relacionar-se de forma saudável.

Você já disse ou ouviu a expressão: “aquela pessoa é difícil”?  (geralmente essa frase vem com aquela cara de desdém), não é mesmo?

Se relacionar nunca foi e nunca será fácil mesmo com as pessoas que mais amamos. Somos diferentes!  Cultura, educação, idade, temperamento, enfim, muitas coisas nos diferem.

Há pessoas em nossas vidas que são bálsamos de Deus, amizades que agregam valores, trazem alegria para a alma, mas…há pessoas em nossas vidas que dizemos: que pessoa difícil!, “tá” difícil para amar, Deus só pode estar provando minha paciência…e por ai vai.

Como amar os “não amáveis”?

O valor de um objeto é determinado pelo preço que alguém está disposto a pagar. Há colecionadores que pagam milhões de dólares por seus objetos estimados, não se importam com o preço, pagam porque amam.

As pessoas que você ama e as pessoas que você tem dificuldade para amar têm um valor caro, custaram o sangue de Jesus na cruz e, como Paulo disse, o amor de Jesus me obriga a amar o próximo, porque o valor da pessoa não está naquilo que ela faz ou em quem ela é, mas no que Jesus fez na cruz.

Jesus sempre será o maior mestre na arte do amor (e em todo o demais). Ele amou pessoas não amáveis, depravadas, imorais, como eu e você e isso precisa ser motivação para eu respirar fundo e me dispor a amar aquela pessoa difícil aos meus olhos. A cruz é a maior lição da escola da vida.

 “Vocês ouviram o que foi dito: ‘Ame o seu próximo[l] e odeie o seu inimigo’. Mas eu lhes digo: Amem os seus inimigos[m] e orem por aqueles que os perseguem, para que vocês venham a ser filhos de seu Pai que está nos céus. Porque ele faz raiar o seu sol sobre maus e bons e derrama chuva sobre justos e injustos. Se vocês amarem aqueles que os amam, que recompensa vocês receberão? Até os publicanos[n] fazem isso! E se saudarem apenas os seus irmãos, o que estarão fazendo de mais? Até os pagãos fazem isso! Portanto, sejam perfeitos como perfeito é o Pai celestial de vocês.

Como amar os “não amáveis”?  Olhando para Jesus, olhando para mim e entendendo que se Cristo vive em mim, Ele me dá forças para amar.

Com carinho

Danúbia

Um comentário em “Amando os não amáveis

  1. Que DEUS tenha misericórdia de nós quando damos tantas desculpas quanto aos “difíceis ” de amar.

    O texto confronta nosso pecado de egoísmo e expõe o quanto não levamos Deus é sua Palavra a SÉRIO.

    Que mais uma vez Ele nos perdoe e sim, vamo dispor nosso coração ao amar DEUS sobre qualquer coisa ou situação é nosso próximo, independentemente de quem ou como SEJA ou esteja.

    Filhota mais uma vez seu texto inspirado PELO Espírito Santo me coloca em meu lugar. PROSSIGA abençoando vidas!!! DEUS te abençoe muito!!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s